Sunday, November 18, 2018
Banner Top

Distinção é resultado de um trabalho conjunto, desenvolvido na área das neurociências, no Centro de Neurociências e Biologia Molecular, da Universidade de Coimbra.

 

Um grupo de investigadores do Centro de Neurociências e Biologia Molecular, da Universidade de Coimbra, entre os quais se encontra Clévio Nóbrega, atual investigador do Centro de Investigação em Biomedicina, da Universidade do Algarve, acaba de vencer o 2º prémio no Concurso Janssen Inovação, com o trabalho “Ataxin-2 in the hypothalamus: a new molecular target for metabolism and circadian rhythm regulation”. O trabalho teve como principal objetivo compreender o papel da proteína ataxina-2 ao nível do hipotálamo – centro regulador do metabolismo – estando, por exemplo, implicado no processo de controlo da obesidade.

 

A equipa, composta pelos investigadores Clévio Nóbrega, Cláudia Cavadas, Luís Pereira de Almeida, Célia Aveleira, Sara Carmo-Silva, Marisa Marques e Maria Botelho, conseguiu, assim, arrebatar o prémio, no valor de 20.000€, e que distingue os trabalhos mais inovadores realizados em instituições portuguesas.

 

Recorde-se que a farmacêutica francesa distingue, anualmente, os três melhores trabalhos científicos nas áreas da Hipertensão Pulmonar, Oncologia, Imunologia, Infecciologia ou Neurociências, tendo, inclusivamente, atribuído, em 2016, uma menção honrosa ao trabalho de Sónia Simão, também ela investigadora do Centro de Investigação em Biomedicina.

O trabalho teve como principal objetivo compreender o papel da proteína ataxina-2 ao nível do hipotálamo – centro regulador do metabolismo – estando, por exemplo, implicado no processo de controlo da obesidade.

Banner Content
Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

Related Article

0 Comments

Leave a Comment

SEGUE-NOS

GOOGLE PLUS

PINTEREST

FLICKR

INSTAGRAM

LINKEDIN

YOUTUBE

Ebook

Patrocínios

Parceiros Científicos